Vila de Santa Bárbara

10153246_671832529539475_8751420376376889041_n Para quem procura descanso e um lugar tranquilo para relaxar, a histórica Vila de Santa Bárbara é o lugar  ideal .

Mas para quem não gosta de ficar parado ,poderá explorar os cantos e encantos de Santa Bárbara e região,Porque a natureza soube ser generosa com toda a região.
A vila fica no município de Augusto de Lima e foi fundada em 1872 , às margens do caminho dos tropeiros que vinham da Bahia e do norte de Minas para Diamantina.
No final do Império, havia uma política de incentivo à instalação de indústrias próximas a rios com potencial de geração de energia hidráulica. Assim, surgiu a fábrica de tecidos Santa Bárbara. Formou-se então, uma vila de operários, hoje distrito do município de Augusto de Lima (MG), chamado de Santa Bárbara, localizada a 270 Km de Belo Horizonte e 170 Km de Montes Claros (MG).


Para chegar na vila ,segue-se pela Br 135 que liga Belo Horizonte a Montes Claros e depois então entra-se por uma estradinha estreita e muito boa que termina bem na portaria da vila, frente a uma cancela com uma guarita ao lado ,onde fica o guarda que faz a segurança local.

 

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas
Logo da entrada já avistamos,as lindas casinhas coloridas da vila,um cenário com muita flores e verdes gramados que faz com quê a paz reine no local nos fazendo esquecer de toda correria e agitação que deixamos do outro lado da cancela.

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas
Com aproximadamente 300 moradores, a principal atração da vila é o antigo prédio da fábrica de 1886, de grande imponência e beleza. A vila possui ainda uma capela, o Pub Don Ratão no porão da antiga fábrica, campo de futebol, quadra, praça, padaria e armarinho. Possui também um povo muito acolhedor e hospitaleiro com interessantes histórias e ”causos” sobre o lugar.

 

1907592_671833439539384_1647127669325248764_n

Em Santa Bárbara existem cerca de 100 casas, ocupadas por funcionários e ex-empregados da indústria têxtil, todas padronizadas e bem conservadas. As ruas são asfaltadas e limpas. A água canalizada é captada na serra e chega até as residências por gravidade.

Nos arredores do núcleo urbano, aproveitando uma queda d’água da Serra do Espinhaço, foi construída uma pequena usina hidrelétrica, que fornece a energia usada na unidade têxtil, construída nos anos 50 pelo industrial João Paculdino Ferreira.


Em Santa Bárbara, existe também uma fonte de água quente. Aproveitando essa potencialidade, a família dona da companhia de tecidos construiu um hotel no lugar, recebendo visitantes de diferentes pontos de Minas, principalmente, de Belo Horizonte.

A fábrica de tecidos Santa Bárbara foi construída em 1886 pelo médico e político João da Mata Machado, um conselheiro do Império, que adquiriu o maquinário na Inglaterra. Os tecidos produzidos em Santa Bárbara eram negociados por mascates, que também carregavam as cargas em lombos de animais. Eles viajavam até Diamantina, atravessando a Serra Geral.

Em 1950, João Paculdino Ferreira, filho de operários da indústria em atividade, adquiriu a mesma e investiu na sua modernização, inaugurando, em 1958 uma nova sede em frente ao antigo prédio da fábrica ,onde até hoje encontra-se em funcionamento.

 

A fábrica antiga, mas que ainda chama bastante atenção pela imponência de suas linhas arquitetônicas, é hoje palco para os eventos promovidos pelo resort e pousada e conhecida como Coliseum de Eventos.

 

Augusto de Lima - Antiga fábrica de tecidos - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas

 

O Turismo, hoje, é a principal atividade na Vila de Santa Bárbara, com 03 boas opções de hospedagem estruturadas.

 

Resort Hotel Águas de Santa Bárbara:

 

1013810_671833392872722_1106999809953968539_n

 
971339_671831649539563_6299268028665685562_n
 
1486641_671835022872559_2319891196540696876_n
10255553_671831839539544_6057592896735914362_n

 

1613920_671831739539554_2251251554436559078_n

 

 

1609985_671841779538550_2948033661387784975_n

 

 

10174996_672392259483502_5340526253442732149_n

 

 

10150670_672391722816889_1481054786328455577_n

65644_672391942816867_7865078175155855973_n

 

10170725_672392222816839_7112349658721763825_n

 

Pousada Sombra do Espinhaço: 

 

1004875_671847126204682_8920121811295287928_n

 

10155673_671847212871340_7741146611849344641_n

 

1538773_671833999539328_239004158984096165_n

 

Chalés da Vila: 

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas

Augusto de Lima - Vila de Santa Bárbara - Maria Lucia Dornas

 

O Resort Hotel Águas De Santa Bárbara, a pousada Sombra do espinhaço e os chalés da vila,  fazem desse novo pólo turístico um destino para todos os gostos e bolsos, podendo o turista se hospedar em um deles e ter o direito de utilizar e usufruir de toda á estrutura dos demais meios de hospedagem.

A vila, que se desenvolveu a partir da fábrica de tecidos – que utilizava, já no final do século 19, energia hidrelétrica – tem as origens ligadas às suas águas termais que faziam com que os tropeiros, vindos da Bahia e norte de Minas em direção a Diamantina na busca de pedras preciosas, encontrassem ali um pouso perfeito. Hoje o turismo movimenta a economia do local, que tem extensa programação cultural, como eventos gastronômicos, de música, esportes e artes.

 

Como todo interior mineiro, a vila tem a festa de sua padroeira, que acontece em dezembro com alvorada, procissão, leilão, cavalgada, folia de reis e comida típica. Um bom momento para conhecer Santa Bárbara.

Os interessados em aprender mais sobre sustentabilidade podem visitar a ETE (Estação de Tratamento de Efluentes) acompanhados de um guia que lhes explicará sobre todo o processo de tratamento do efluente residencial e industrial da vila. Com sorte, podem se deparar com os novos habitantes locais, uma família de jacarés. Para se aprofundar na história, é possível visitar a Companhia de Santa Bárbara, segunda indústria têxtil de Minas Gerais e uma das mais antigas do mundo em funcionamento.

 

12391252_984722478250477_5185547042027438392_n

 

10257737_672391669483561_8036538160345740372_n

 

 

1902927_671832672872794_7560248823040291112_n

 

 

10150619_671843199538408_682967402187900638_n

 

1907964_671841702871891_3421422287296734688_n

 

Na vila, há várias opções de caminhada: à Prainha da Usina, uma pequena barragem no Riacho D’areia; por trilhas ecológicas no leito do rio; à usina hidrelétrica com toda a explicação do processo de geração de energia que abastece o hotel e a fábrica; às barragens ou à parte alta da cachoeira para contemplação do por do sol e banho nas piscinas naturais. O visitante pode também, percorrendo uma trilha mais longa e rústica, visitar a APA (Área de Preservação Ambiental), Parque Nacional da Sempre Viva.

No entorno da vila, outras cachoeiras chamam a atenção, como a Cachoeira do Telésforo, situada a cerca de 27 km da vila que deságua num rio largo cercado por uma enorme praia de areia branca e fina e a Cachoeira da Fenda que se situa num cânion com imensos paredões e uma inusitada pedra suspensa que fica presa entre eles formando um portal que o turista atravessa nadando para chegar à queda d´água. Ainda nas redondezas, grutas com pinturas rupestres, cachaçarias tradicionais e outros vilarejos como Teixeiras e Arraial de Curimatai.

Se a preguiça convida ao “dolce far niente”, siga para o Resort Águas de Santa Bárbara – que tem a opção “day-use” com almoço incluído – e aproveite a deliciosa piscina ou suas cristalinas águas termais.

Já na Pousada Sombra do Espinhaço, o restaurante aberto ao público serve comida típica em mesinhas de madeira sob as árvores.

 

 

Nos porões da antiga fábrica, a boate Don Ratão anima as noites de sábado.

Um cantinho de descanso ,repouso e contemplação do verde e do silêncio.Lugar onde o aparelho de celular não funciona e temos que nos contentar com o wifi do hotel.

A Vila de Santa Bárbara é um lugar que super recomendo, para pessoas que estão com os nervos a flor da pele,ou simplesmente cansadas da correria do dia a dia e até mesmo para casais que queiram um final de semana romântico.

Vila de Santa Bárbara é tuuuudoo de bom!!!